quarta-feira, 11 de abril de 2007

Blogosfera em crescimento


Um estudo desenvolvido pelo Observador Cetelem aponta para uma taxa de utilização da internet de 32%, com destaque para a região de Lisboa e Vale do Tejo com 40,9%, entre as classes sociais A/B e C1. Cerca de 20% dos inquiridos referiram a visita a blogues como uma das suas consultas preferidas na internet e uma das actividades em que despendem mais tempo.

«Um escape para a pressão diária do trabalho», diz Nuno. «Uma forma de escrever sobre mim em qualquer sítio, sem precisar de bloco ou caneta»,define Samir. São bloggers, que é como quem diz, têm um espaço na internet onde escrevem sobre a vida, onde espelham gostos pessoais ou analisam e criticam factos da actualidade.
O conceito de blogue não é recente, mas tem cada vez mais adeptos, como o provam os dados mais recentes sobre a utilização da internet. Centenas de novos blogues surgem todos os dias - só no Sapo.pt são criados mais de 400 blogues por dia - e, ao mesmo tempo que denotam uma maior consciência do dever cívico de participação na sociedade, levantam a questão da fiabilidade das informações divulgadas, bem como da determinação do sujeito sob o qual recai a responsabilidade das mesmas.
A título de exemplo, recordem-se casos como o 11 de Setembro e o 11 de Março, em que imagens captadas por vídeos amadores invadiram os blogues e deram um novo fôlego à blogomania, instaurando o cidadão anónimo no papel de cidadão-jornalista, com legitimidade para chamar a si um papel activo no panorama informativo. O fenómeno não parou de crescer, com uma percentagem significativa das notícias que vêm a público a nascer dos blogues e do teclado dos bloggers.
As figuras públicas não têm escapado à «febre» e são mesmo responsáveis por alguns dos blogues mais visitados da blogosfera. Pacheco Pereira, em abrupto.blogspot.com, e Nuno Markl, em havidaemmarkl.com, são dois dos recordistas de visitas no ranking nacional.”
Fonte: Jornal Destak (10/04/07)

Identifico-me no mundo da blogosfera pela liberdade de expressão digna de um país democrático, pelo prazeroso desenvolvimento da sociedade da informação e, mais pessoalmente, pela possibilidade de satisfazer em parte um dos meus desejos juvenis, o jornalismo.

Na altura, era um jovem com classificações suficientes às Línguas Portuguesa e Estrangeiras e, dada a minha paixão pelo futebol e pelas suas reportagens, sentia que poderia realizar-me no jornalismo desportivo se a minha expressão oral e escrita estivesse num patamar superior.

Enveredei por outra área profissional, da qual me orgulho, contudo ficou sempre o “bichinho” do jornalismo, tendo sido revigorado durante o curso de Enfermagem e, principalmente, a partir da criação de “O Sabor Da Palavra”.

Efectivamente, sinto que o prazer pela expressão escrita desenvolveu-se, e pretendo dar continuidade a este projecto, evoluindo nas minhas capacidades escritas e sendo o cidadão-jornalista que o texto supracitado refere.

Sem dúvida que a blogosfera tem tido um crescimento enorme, existindo tanto blogues temáticos como generalistas que possibilitam uma maior número de meios de comunicação, informação e partilha de ideias e/ou sentimentos, sendo a descredibilidade da informação um risco presente.

Desta forma, “O Sabor Da Palavra” traçou uma linha editorial com a marca da fiabilidade, apresentando rúbricas e textos de índole séria e bem disposta, pessoais ou noticiosos, e acompanhando sempre que possível a actualidade e as devidas citações, caso a situação assim o exija.

Um bem haja a todos os seus participantes!!

5 comentários:

Pekena disse...

Ainda hoje estava a ouvir essa notícia. Realmente é super interessante participar na blogosfera, onde podemos partilhar ideias e opiniões com outras pessoas, que poderao ser tão diferente (ou não) de nós, nas suas perspectivas, nos seus pontos de vista. É bom perceber um problema em análise, nas suas diferentes visões.

Acredito que as pessoas cada vez mais venham participar activamente para a blogosfera, de modo a que todos juntos, possamos aprender, partilhar e discutir muito mais.

Bjs da Pekena**

Pekena disse...

Esta música é muito bonita.
Parabéns pela escolha!

Cristina Guerra disse...

Realmente, hoje em dia, com a designada globalização, todos nós temos a oportunidade de fazer parte de grandes coisas.
A internet é um MUNDO. E esse mundo tem cada vez mais habitantes, todos eles dispostos a colaborar e a fazer-se notar de alguma forma especifica, melhorando assim a comunidade cibernáutica.
Os blogs são formas de expressão fantásticas, mas como referiste, também há aqueles mais sensacionalistas que, por vezes, abusam das noticias que publicam e se tornam famoso e polémicos, por motivos muito desagradáveis.

maria disse...

Este texto está muito bem escrito! Gostei do post! Beijs. Bom fim de semana!

Anónimo disse...

"Somos a ponte para a eternidade,
Formando um arco sobre o mar,
Procurando aventuras para o nosso regozijo,
Vivendo mistérios, optando por calamidades,
Triunfos, desafios, apostas impossíveis,
Pondo-nos à prova uma e outra vez,
Aprendendo amar.”
Excerto de “Richard Bach”

É com esta força que renasço todos os dias, para continuar a minha caminhada...
Espero que gostes deste pequeno presente.
Beijinhos, que a escrita nos una!

Esfregona amarela