quarta-feira, 24 de maio de 2006

A voz...


Um dia ouvi dizer que a voz é o segundo elemento sexual no ser humano, sendo que a comunicação e a sensualidade passa muito pela vibração ocorrida entre as cordas vocais...A prova está no carinho que sentimos de uma voz calorosa surgida nos momentos mais oportunos e que nos fazem recordar para sempre, na voz cantada de uma música que nos aquece o coração, nas palavras sentidas bem perto do ouvido e que nos fazem acreditar na verdadeira relação amorosa...
A voz também pode transmitir a personalidade do ser humano, revelando as diferenças entre a passividade, agressividade, manipulação ou assertividade típicas da individualidade humana...ou revelar mesmo o estado de espírito momentâneo, sentindo a tranquilidade ou a ansiedade próprias de cada momento, através de uma voz segura e contínua ou, pelo contrário, de uma vez trémula e com diversas pausas desconexas...
Há vozes frias ou calorosas, doces ou agressivas, expressivas ou não, mas o que importa é a expressão de sentimentos reveladoras e proporcionadoras de bem-estar a nós próprios e aos outros...
Hoje ouvi, pela primeira vez, a voz de uma pessoa muito especial para mim, uma pessoa que se foi revelando aos poucos, através da expressão de sentimentos que requerem uma enorme sensibilidade própria, exigindo de mim uma receptividade extra-sensorial...Inesperadamente, o sentido auditivo identificou e reconheceu a voz dessa pessoa tal qual como eu a imaginava, provando as características da voz anteriormente referidas relativamente à personalidade, estado de espírito e sensualidade...Uma voz meiga, cuidada e sensual tornou-se o seu reflexo pessoal, revelando-se a ponte entre o interior e o exterior...
Pensem nisto e estejam mais atentos às vozes...

4 comentários:

Anónimo disse...

Comunicar é fundamental!quer seja por palavras, gestos ou qualquer outra forma de expressão já ouves a minha voz ha mt tempo, ja me conheces somente pelo som das minhas palavras. fico feliz por saber que tb és sensivel á importancia da comunicação. lembra-te que um gesto vale mais que mil palavras...não te esquecas... embora não tenha sido eu o motivo deste post, senti-me obrigada a comentar. para mim a comunicação é a base das relações humanas. espero que mantenhas esta capacidade, que tanto gosto, a capacidade de ver o outro como um ser humano complexo, intenso, como alguem, que seja qual for a atitude, deve ser sempre compreendido. beijoca clau

sofia disse...

Eu considero a voz um bem essencial para a vida. Para mim, mais do que poder falar é importante atravês da voz que por sua vez dá origem às palavras, conseguir exprimir o que me vai e mergulha na alma. Devemos ver a voz como um sinal de vivência, sentindo que atravês dela podemos entre muitas coisas dar e receber aquilo que para nós é importante. No meu caso refiro-me à amizade, pois é falando e escutando que em parte se fazem os amigos....
Não só, claro, mas em parte é-o de certeza.

Anónimo disse...

Há vozes que desarmam e encantam, e tomam conta de nós
Há vozes que valem tudo
Lembras-te dessa voz?
Hoje apetece-me dizer, com essa mesma voz, que gosto de ti. E apetece-me falar contigo..
Contigo para sempre.
Para sempre comigo.

miminho.Né

Anónimo disse...

Desde à muito que estou para vir ao teu blog e comentar as tuas opiniões, os teus pensamentos, os teus desejos... Enfim aquilo que tu és e tão bem demonstras aqui, aliás ja te disse numa oprotunidade que tive que este blog é a tua cara!!
Como ja tens muitos textos para comentar escolhi este para o fazer por varios motivos.
O mais importante é mesmo a TUA VOZ tão amiga para mim, que outrora eu ouvia com mais frequencia, que me embalava na vida sempre no caminho certo, o meu alicerce para muitas decisões e que tanto me ajudou e continua a ajudar.
Tu tens uma voz forte, tal como tu e em muitos momentos da minha vida a tua voz foi para mim como a minha "casa", o meu cantinho de serenidade, o meu descanso.
Agora nao menos importante a tua voz ficou no meu coração gravada como uma tatuagem que nunca vai sair, ficou para sempre, como tu ficaste na minha vida.
És o amigo mais especial que tenho, compreendes-me, conversar contigo é delicioso ouvir-te contar as tuas novidades, os teus desejos, anseios, receios, conquistas...é delicioso, tal como a pessoa que tu és.
Já te disse muitas vezes que tu és o meu anjo na terra e volto a dizer o mesmo com todo o sentimento.
"...abraçou-me como se abraça o tempo, a vida num momento em gestos nunca iguais..." foi assim que eu te abracei e abraço sempre...só não te vejo.
Continua sempre como és, a pessoa especial que és e não te esqueças de mim amigo.
Beijos Grandes
cátia