sexta-feira, 20 de julho de 2012

Dia dos Amigos




"As pessoas são muito mais importantes do que qualquer outra pessoa. Gosto de pessoas. Gosto de as conhecer, do convívio com elas. Esta é a opinião que tenho. Mas não era uma ideia tão consciente, nem tão saboreada. por exemplo, sou capaz de ir ao Porto ter com uma pessoa já. Mas sempre fui assim. Em miúdo era capaz de fazer 1200 km em Moçambique para ir à festa de aniversário de um amigo. Eram 12 horas de caminho. Ainda hoje me faz confusão quando as pessoas não são capazes de fazer este tipo de coisas pelas outras, quando o encaram como um sacrifício."
António Feio, Aproveitem a Vida

A leitura de um livro é tão mais interessante quanto maior a identificação inesperada pelas palavras do autor. Por momentos senti-me também em Moçambique. Já fui a aniversários distantes. Sou amante de desafios distantes. Simplesmente porque há boas causas. Um dia fui a Elvas conhecer uma pessoa especial, e vim no próprio dia. Como diz Boss AC, "eu só preciso de 5 minutos". Já fui preparar uma refeição ao Porto. Vim de seguida. Organizo encontros nacionais em qualquer lugar, mas procuro evitar Coimbra, sinto que devo dar o exemplo. Já passei férias percorrendo os caminhos de Portugal naquilo a que chamo "O Roteiro da Amizade". Viseu é uma cidade tão próxima de Coimbra quanto a minha vontade. Trás-os-Montes não é apenas sinónimo de enchidos e fumados, também simboliza a amizade. E muito mais haveria a dizer, porque há pessoas que são um prazer!

"...se tu e eu somos amigos, há uma iminência no seio do nosso relacionamento. Quando nos vemos ou quando estamos separados, há a iminencia de estarmos juntos, de rirmos e falarmos. Essa iminência não tem definição concreta: é viva, dinâmica, e tudo o que emerge do facto de estarmos juntos é uma dádiva única que não é partilhada por mais ninguém. Mas o que acontece se eu substituir "iminência" por "expectativa", verbalizada ou não? Subitamente, a lei entra no nosso relacionamento. Agora, espera-se que te comportes de um modo que vá ao encontro das minhas expectativas. A nossa amizade viva deteriora-se rapidamente e torna-se uma coisa morta com regras e exigências. Já não tem a ver connosco, mas com aquilo que os amigos devem fazer, ou com as responsabilidades de um bom amigo."
WM. Paul Young, A Cabana

Uma amizade é livre, sem restrições e vive da naturalidade das relações. Os amigos são amigos porque agregam um conjunto de factores que os tornam propensos a estarem mais vezes juntos, a partilhar os seus sentimentos e emoções e a converterem uma relação a dois descaracterizada numa relação com identidade própria.Numa amizade não se espera, vive-se! No entanto, por vezes precisamos de definir o conceito de amigos e bons conhecidos. Porque há pessoas especiais que não se conjugam em uníssono, mas alimentam uma relação de bem-estar e prazer. Aquelas pessoas que acreditam convictamente na amizade mas não agem como tal, continuando a confundir-se a si próprio e aos outros. A mim não me enganam, a amizade é um conceito bastante simples entre o ser e o não ser, e neste conceito não cabem movimentos forçados e atitudes do "nim".

Sim! Assumo a minha amizade e não preciso de destacar nomes. Vocês sabem quem são!

Imagem: http://noauge4ponto0.blogspot.pt/2010/06/amizade-um-amor-que-nao-vicia.html
Música: Sarah Brightman e José Carreras - Amigos para Siempre

8 comentários:

Me disse...

Ficou tão bem dito que não preciso acrescentar mais nenhuma palavra! Sabes que sou tua amiga de coração, às vezes fico em silêncio, mas não significa que não vivas no meu coração!
E por falar nisso quando voltas cá? Ou eu vou lá...
:-)







De alguém que te gosta, tu sabes!
Beijo em ti!

Gonçalo disse...

Me:

Eu sei que gostas de mim e que mesmo na ausência e distância há algo que nos une. Quando estamos juntos, os encontros são sempre prazerosos!

Beijinhos e até breve, seja onde fôr! :)

TERESA SANTOS disse...

Gonçalo,

Que bem defines a Amizade!

Sabes que passo por aqui várias vezes, e na maioria dos casos sem deixar rasto.

Porque será que venho até aqui? Porque gosto de saber como estás, porque me INTERESSO por ti.

Simplesmente!

Significativo, ou não?!

Beijinho.

Gonçalo disse...

Teresa Santos:

Interessar-se pelo estado de alguém é sempre significativo. O meu repto agora passa pela descoberta real de duas vivências. Pensa nisso ;)

Beijinhos ***

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

"Um dia fui a Elvas conhecer uma pessoa especial, e vim no próprio dia."

Isto é SER, é VIVER! Parabéns por isso! Sermpre o vivi e defendi, quais filmes que mostram o que parece ser impossível na amputada liverdade à nossa própria felicidade!

Um beijinho à Flávia porque, como diriam os brasileiros, VALEU!

Raven disse...

E por isso és um ser humano único. Nunca te percas.

Gonçalo disse...

Lobinho:

Obrigado pelo apoio. Aguardo-te em Coimbra! :)

Gonçalo disse...

Raven:

(lisonjeado e muito!)

:)