segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Palavra Puxa Palavra: "El Portugués"

Sinopse: «Paulo Futre foi o primeiro jogador português a fazer história em campeonatos internacionais. Nasceu no Montijo e começou a jogar futebol assim que começou a andar. O seu talento levou-o a entrar no Sporting ainda em criança. Saiu para o Porto com 18 anos, na primeira grande transferência polémica do futebol português. Ao serviço dos dragões, tornou-se num dos jogadores mais cobiçados do futebol mundial, depois de ter ganho a Taça dos Campeões (1987). Ultrapassando a concorrência, o Atlético de Madrid contratou Paulo Futre através do excêntrico presidente Gil y Gil. Começou aí uma relação de amor e ódio entre os dois, que marcou o futebol europeu. Futre tornou-se no maior símbolo da história do clube. Passou ainda por Benfica, Marselha, AC Milan, Regianna, West Ham ou Yokohama Flugels e foi internacional por Portugal em todas as categorias, tendo sido o jogador mais jovem de sempre a vestir a principal camisola da selecção nacional. A sua raça e o seu talento transformaram-no num dos melhores jogadores do mundo das décadas de 80 e 90, marcando uma geração de futebolistas e de adeptos que jamais esquecerá a sua forma peculiar de estar no futebol e na vida. Depois de pendurar as chuteiras, continuou ligado ao desporto do seu coração, como empresário e dirigente. Ao longo dos últimos 30 anos, muito se disse sobre a sua vida e carreira. Neste livro terá a grande oportunidade de conhecer todas as histórias contadas pelo próprio. Muitos relatos exclusivos. Na primeira pessoa. Um testemunho genuíno, excêntrico e alegre de um os maiores futebolistas de sempre. Sócios e sócias, sejam bem-vindos ao mundo de Paulo Futre.»

Paulo Futre é provavelmente a maior revelação deste ano até ao momento. Revelação por aquilo que é neste momento, porque pelas suas qualidades futebolísticas já é uma confirmação de longa data. Para muitos será a revelação no mundo do ridículo. Para mim é uma agradável surpresa, mesmo confessando que por vezes ainda passo no Youtube para visualizar os vídeos que o celebrizaram nas eleições do Sporting. E com mais certezas fiquei da minha admiração por ele depois de ler vários relatos da sua vida na escrita de Luís Aguilar, revelando ser um homem corajoso, humilde, intenso e um verdadeiro campeão.

A vida levou-o do zero à fortuna com imensas aventuras e desventuras, denotando uma força de vontade impressionante nas situações-limite, e um controlo remoto sobre o seu percurso (mesmo nos momentos mais difíceis) tão possível como surpreendente que o tornam numa figura incontornável do mundo do incrível!

Até podem achar que é um livro de bolso sem relevância, mas por vezes são nos livros de menor valor que encontramos as mensagens que mais nos suscitam interesse. Este foi um deles! Com Futre reforçamos que o céu é o limite e que as fronteiras são uma mera barreira invisível de menor importância. Tudo é possível porque como já dizia Fernando Pessoa:

"Deus quer, o Homem sonha e a obra nasce."



(Imagem: http://portalivros.wordpress.com/2011/05/16/%C2%ABpaulo-futre-el-portugues%C2%BB-ja-a-venda/)
(Música: Norah Jones - Come Away With Me)

6 comentários:

Carolina Tavares disse...

Interessante as suas conclusões.

Beijos

Rafeiro Perfumado disse...

Só acho que neste momento está a desgastar um bocado a sua imagem, o tipo aparece em todo o lado!

Abraço!

Menina do cantinho disse...

Livros como este não são de bolso. São histórias reais como a do Futre que nos enriquecem e nos fazem pensar no duro caminho que as pessoas que achamos que sempre viveram num palácio e sempre tiveram tudo o que quiseram passaram para hoje terem o que têm.

Beijinhos e boas férias :)

Gonçalo disse...

Carolina:

Um beijinho também para ti *

Gonçalo disse...

Rafeiro Perfumado:

Concordo. Podemos ser bons mas não precisarmos de aparecer sempre para reconhecerem a nossa qualidade. Mas continua a ser especial!

Um abraço :)

Gonçalo disse...

Menina do Cantinho:

São histórias assim que me fazem acreditar que é possível. Yes We Can!

:)

Beijinhos***